terça-feira, outubro 06, 2009

sem noção


Não sei em que apuros me meti, mas quando vi você com essa cara linda e máscula sob a luz dessa lua cheíssima, pulei em seu pescoço e dei o maior, mais sensual e mais gostoso beijo da minha vida. Pena que sua mulher estava do lado.

29 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Totalmente sem noção!
Você sabe bem
em que apuros se meteu...

Mas a lua cheia justifica,
em parte,
a insanidade. (risos)

Um beijo, Dri.

Lara Amaral disse...

Hahaha... Muito bom, Dri!
Beijos!

pianistaboxeador21 disse...

Sem noção mesmo e não é o que o desejo muitas vezes faz? Nos arrasta de u lado pra outro. Nos deixa sem noção.

Beijo

nina rizzi disse...

rsrsrsrs... depois eu é que ando aprontando!

mas sabe, dessa eu confesso> fiz algoi muitooooo próximo disso, mudando o cenário e... no caso eu é que estava acompanhada.. rtsrtsrts..

adorei o poemeto. humor é tudo na vida. senão, me matava.

beijo.

Marcos Satoru Kawanami disse...

quê perigo, menina! minha muié já partia pra inguinorança, e dava-lhe uma meia-lua de lambuja.

=D
marcos

Adriana Karnal disse...

Adriana,
rsrsrs O juízo se perdeu sob a lua cheia...q perigo sua loba!!!

José Carlos Brandão disse...

Essa lua cheia dá vontade de uivar! - disse a minha mulher vendo a lua de ontem. Você... teve um pescoço à vista! São duas poetas - viva a vida e a poesia!

Beijo.

Talita Prates disse...

"Bafão!!!", como diz uma amiga minha! rsrsrs.

Será que
lua cheia
deixa a gente
perigosa assim?

Aiaiai... rs

Bjo, Dri! :)

Vinícius Paes disse...

Hahaha... ahhh me diz que não é só poesia isso, Adriana, vou ser irrecuperávelmente teu fã.
E dane-se a mulher dele, uma vez ouvi dizer que não se pode conter vontades e súbitos desejos em noites de lua cheia.

Beijos, Adriana.

Fred Matos disse...

"Pena que sua mulher estava do lado."

Hehehehehehehehe.

Ótimo, Adriana.

Beijos

Adriana Godoy disse...

Amigos, juro que é apenas o eu-lírico!!! hahahahahaha!

Úrsula Avner disse...

Oi Adriana,

seu eu-lírico extravasou poderosos sentimentos hein ? A lua cheia pode mesmo ressaltar nosso lado tansgressor ou aventureiro, pelo menos no contexto poético é claro.
Com frequencia, as pessoas leem o que escrevemos como se fosse uma fala literal do nosso ser e se esquecem de que estamos poetizando... Por isso entendo seu último comentário em que voce jurou que é apenas o eu-lírico... Bj.

Cosmunicando disse...

rsrsrsrs... eu lírico, é?
tá certo poeta, vamos esperar que a lua minguante amenize os ímpetos (ou não)

adorei!!
beijos

tania não desista disse...

muito bom ,adriana! nosso eu lírico...empunha espadas e corta
cabeças... nos divertindo!
todos os beijos dados...ousados
deliciosos e proibidos...serão
censurados...pela consciência de um ou de outro(caso tenham!rs.rs.) mesmo...sem testemunha! vamos conter a volúpia do eu lírico!
bjos
adorei!
taniamariza

Wania disse...

Oi, Adriana!

Adorei teu Eu-lírico... rsrs! A lua cheia mexe com a gente!!!!

E te digo mais, como é bom poder ter um Eu-lírico de vez em quando!!!!A gente mata e não suja as mãos, a gente transgride e não leva a culpa, a gente mente e finge que nem sabia da verdade!!!!

Olha, na próxima lua cheia saia sozinha...rsrs!


Gostei do teu cantinho, Adriana
Voltarei mais vezes,
Bjs

Marcos Satoru Kawanami disse...

tadinho do eu-lírico, sempre é culpa do eu-lírico...

e ele só pode se defender, dizendo:
"tem cupa eu?"


*-*
marcos

guru martins disse...

...fique tranquila
que lá no fundo ela
entendeu e te agradece
por reverenciar o bom
gosto dela...

bj

Rafael Rodriguez disse...

Adorei!!!

tô gargalhando aqui com a sua justificativa; eita eu lírico danado!

Perfeito o complemento da Renata!

Beijão.

Anita Mendes disse...

A drika atacando não é mole não!kkkkkkkkkkkk
que ousadia nos teus poemas ultimamente... um lado perigoso e sexy... algo está te fazendo bem e se não está pelo menos tá me fazendo bem com esse poemas.
Ps: obrigada por tudo!(pelo recadinho!)
beijos enormes... Anita.

Casa disse...

aaauuuuuuuu!

foi a lua cheíssima

tonhOliveira disse...

A Vampira era a mulher do lado...

Beij♥ ← no do lado esquerdo!

Luciano Fraga disse...

Adriana,a lua é sempre a testemunha silenciosa de nossas loucuras,assim sempre perdoa e nos cobre de luz, mais um daqueles surpreendentes, beijo.

BAR DO BARDO disse...

Amor bandido.

Adriana Godoy disse...

Mais uma vez, agradeço as visitas. Vocês são mei termômetro. Beijos.

Bardo, não é amor, é tesão.

Anônimo disse...

Adorei, Dridri, tô rindo até agora, ao imaginar a cara dos personagens....kakakaka
Bjs
Andrea

Aninha disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Vc é uma pérola Dri. bjao

daufen bach. disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, putz!! kkkkkkkkkkkkkkkk sem noção mesmo!! mas é dái né!? que se dane. se for pra alguém beijar, que seja quem tem vontade. kkkkkkkkkkkk.

maravilhoso isso!

Cunhadão disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...............

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkk... sensacional.

Beijos, alegrias e poesias...

Buda.