quarta-feira, dezembro 31, 2008

Ano Novo

Nenhum segundo a mais
espero
para explodir
os dias que estão em mim.

11 comentários:

Luciano Fraga disse...

Que os novos dias amanheçam luz, belo, muito belo, abraço.

Adriana disse...

Luciano, já tinha escrito isso antes, mas como publicaram no Digestivo Cultural resolvi copiar aqui de novo. Beijo e obrigada.

BAR DO BARDO disse...

Pega leve, cara! (rsrsrs) Desejo um hiperbólico 2009, Adriana!!!

Anônimo disse...

Isso é lindo, é explosivo, é ano novo! Beijo. R.B.

On The Rocks disse...

Tô nessa!

Te desejo um belo e maravilhoso ano novo!

Abraços.

pianistaboxeador21 disse...

Direto e bom.

Abraço,

Daniel

Ca:mila disse...

fogos de artfício entre as vértebras.

feliz 2009 regado pelas boas novas!

abraços,

c.

V.M.Paes disse...

Ano novo que nada mais é que o velho recomeçando.

um feliz ano novo.

Thaís Nóbrega disse...

assim como as explosões no céu, típicas de ano novo, explosões do lado de dentro são sempre bem vindas.

aproveita!

beijo

Raskólhnikov disse...

amo isso. certeiro.
mortal, incondicional.


rs, gostei dos textos, parabéns!

Ju Dacoregio disse...

Adorei!